Skip to content Skip to footer

Entidade

Qual o Lugar Mais Seguro De Toda Criação?

Além do polígrafo – detector de mentiras que mede pressão arterial, batimentos cardíacos, temperatura do corpo e dilatação da pupila – descobrir quando alguém está mentindo pode se basear na análise dos sinais emitidos pelo corpo do indivíduo, tarefa que uma pessoa comum é capaz de realizar se souber no que deve prestar atenção.

EVIDÊNCIAS

Conhecendo que a maioria dos mentirosos costuma desviar o olhar enquanto não fala a verdade, quem sabe que isso é considerado sinal evidente de mentira pode acabar fixando os “olhos nos olhos” da outra pessoa de forma exagerada.

Piscar demais, sentir coceiras, alterar o tom de voz, ficar com mãos e pés gelados… a humanidade já existe a tempo suficiente para ter documentado muitos dos sinais que aprendeu a identificar nos diversos momentos em que podem estar sendo fornecidas informações falsas.
O pai da mentira conhece todos eles e muitos mais!

Sede sóbrios; vigiai;
porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor,
como leão bramando,
buscando a quem possa tragar.

(1 Pedro 5:8)

Outra grande estupidez que o povo da batalha espiritual comete é achar que se consegue descobrir alguma verdade ao entrevistar demônios: fora o conhecido método de apenas distribuir o conhecimento estritamente necessário a cada nível hierárquico, se simples militares humanos são capazes de não entregar informações valiosas nem mesmo sob tortura, quanto mais seres espirituais existentes há milênios e desde o momento de sua criação atuando sob rígida disciplina de um exército.
Conforme apresentei na última postagem, além de causar sérias doenças mentais — como paranoia, ansiedade e depressão — e mentir sem punição nem arrependimento, a carreira dos grandes “guerreiros espirituais” só tem prestado para, revestidos pela aparência de piedade, direcionar seu público consumidor, todos bem besuntadinhos com “óleo de unção“, direto para onde o comandante inimigo quer: a apostasia!

Ainda que inicialmente pudessem existir resquícios de boa intenção, infelizmente tudo indica que (no caso “menos pior”) os encantos de Mamon foram eficazes para torná-los incapazes tais “celebridades” de se arrepender por todo o mal que promoveram e continuarão promovendo enquanto suas publicações permanecerem sendo vendidas e alcançando gente preguiçosa para estudar a palavra, mas ávida por poder e emoção.
Seria um grande impacto se o Senhor verdadeiramente em algum desses escravos do engano a ponto de renegar sua obra perversa e remover suas obras das lojas para queimar… isso sim poderia ser uma perspectiva de real avivamento nesses dias cada vez mais tenebrosos onde ficou evidente que todos os banhos com óleo e marchas não serviram espiritualmente para nada.

Já instalada Laodiceia, agora testemunhamos o princípio das dores, quando, insufladas por principados e potestades, autoridades impõem restrições a liberdade e tramam para tornar obrigatória a introdução de produtos químicos e genéticos, ainda em fase experimental, em toda a população: ainda não é a marca, mas aquele que não se submeter — mesmo que por razão alérgica — a tal imposição, desde já sofrerá restrições para se locomover, trabalhar, comprar e vender…
(E há quem chame essa experiência — na qual, inclusive, as cobaias deverão assinar um termo isentando quem criou e quem ordenou de responsabilidade por quaisquer consequências — de “ciência”!)

Ó Timóteo, guarda o depósito que te foi confiado,
tendo horror aos clamores vãos e profanos
e às oposições da falsamente chamada ciência,
A qual, professando-a alguns,

se desviaram da fé.

(1 Timóteo 6:20-21a)

Mas não estou aqui hoje para ficar falando do que não foi feito.
Pelo contrário, vou apresentar um raciocínio lógico (e com base bíblica) sobre o adversário que pode até mudar a forma como alguns se comunicam com o Senhor Deus.
Sem usar linguagem complicada nem querendo ser presunçoso, me mantenho disponível à acréscimos e refutações COM BASE ESTRITAMENTE BÍBLICA.

Mas em certo lugar testificou alguém, dizendo:
Que é o homem, para que dele te lembres?
Ou o filho do homem, para que o visites?
Tu o fizeste um pouco menor do que os anjos,
de glória e de honra o coroaste,
e o constituíste sobre as obras de tuas mãos.

(Hebreus 2:6-7)

SINGULAR

Recomendo a leitura da publicação onde apresento uma abordagem científica a respeito do cérebro para saber que até mesmo a ciência — a que pode ser levado a sério, não a farsa vermelha da vacina obrigatória citada acima — não descarta a possibilidade de que ele seja a sede da alma, ou seja, o núcleo ímpar e insubstituível de cada entidade humana.

ENTIDADE

1. Aquilo que constitui a essência de um ser ou de uma coisa.

2. Essa existência considerada em si mesma, separadamente do respectivo atributo da coisa.

3. Tudo aquilo que existe ou supomos existir.

4. O ser humano; ente, indivíduo, ser: Respeitava todos os seus alunos por serem entidades únicas.

5. Associação ou sociedade de pessoas ou de bens constituída para determinado fim.

6. (Rel) Nas religiões afro-brasileiras, ser espiritual passível de culto ou de devoção como os caboclos, orixás, pretos velhos etc.

7. (fig) Indivíduo de grande importância: A pesquisadora é uma entidade em biogenética.

Michaelis online

Se você existe então é uma entidade e, solenemente ignorando todas as outras criaturas, o Senhor criou homens e espíritos com o atributo da singularidade, ou seja, ninguém nunca poderá ser exatamente você.
Isso implica em coisas como: ninguém nunca poderá sentir (emoções e sentidos) exatamente igual a você, ninguém nunca ira reagir a estímulos exatamente igual a você e, o principal de tudo, ninguém, fora o Senhor Deus, é capaz de saber o que você pensa!

O SENHOR conhece muito bem todos os pensamentos humanos,
e sabe o quanto são fúteis!

Eu, o SENHOR, sondo profundamente o coração e examino a mente dos homens,
a fim de entender cada pessoa de acordo com a sua atitude,
conforme as suas obras!

(Salmos 94:11 e Jeremias 17:10)

Como está escrito na passagem de abertura, o diabo, que não é bobo, fica espreitando — pessoalmente ou através de algum entre seus milhões de subordinados — em busca de quem possa ser “tragado”.
Ele é tão ou mais antigo que o mundo e usou seu tempo para aprender, com base na observação de detalhes (como os mencionados nos dois primeiros parágrafos), a antecipar as ações de modo a parecer ter capacidade de ler pensamentos e até prever o futuro, porém nem mesmo controle direto sobre a mente humana ele pode ter, podendo apenas lançar mão de algumas opções, dentre as quais:

1. O controle das reações provocadas por estímulos (sedução, sedação, opressão, intoxicação…);
2. A substituição momentânea (através de técnicas que serão apresentadas em publicações futuras) da entidade original que opera o corpo (veja citação de John Eccles);
3. O conhecimento obtido através da expressão verbal direta.

Então, Jesus conclamou a multidão a aproximar-se e pregou:
“Ouvi e entendei!
Não é o que entra pela boca o que torna uma pessoa impura,
mas o que sai da boca,
isto sim, corrompe a pessoa”.

(Mateus 15:10-11)

A partir do momento em que o adversário de nossas almas deixa de ter apenas a probabilidade dos sinais observados e passa a atuar com a certeza das informações declaradas, não apenas vai nos acusar diante de Deus Apocalipse 12:10, mas também atua para provocar reações nas pessoas que vão interagir com o indivíduo exposto com o objetivo de, por maus ou até mesmo aparentemente bons desfechos, levá-lo o mais distante possível de Deus e de Sua Palavra.

O “Poder das Palavras” NUNCA poderá fazer com que “O Universo Conspire A Nosso Favor”!

E as orações congregacionais?
Ora, o culto deve ser um ato de ADORAÇÃO ao Senhor Deus, de modo que até mesmo as orações que ocorrem nele deveriam ter basicamente o mesmo caráter. Não são portas, paredes ou placas denominacionais que podem impedir o acesso dos espíritos, então todas as vezes que qualquer irmãozinho verborrágico começar a soar como um discurso de políticos apresentando um minucioso e longo plano de ações… é só lembrar do que disse o próprio Senhor Jesus:

E, quando orardes, não sejais como os hipócritas,
pois que apreciam orar em pé nas sinagogas e nas esquinas das ruas,
para serem admirados pelos outros.
Com toda a certeza vos afirmo que eles já receberam o seu galardão.
Tu, porém, quando orares,
vai para teu quarto
e, após ter fechado a porta, orarás a teu Pai, que está em secreto;
e teu Pai, que vê em secreto,
te recompensará plenamente.

(Mateus 6:5-6)

PRIVACIDADE ABSOLUTA

O lugar mais secreto e poderoso para oração fica na sua mente!
Até há os que falam, mas geralmente quando estamos sozinhos no quarto… oramos em pensamento, ou seja, com a alma!
Vai interceder por alguém? Cale a boca!
Vai pedir uma bênção? De boca fechada!
Vai entregar o que pesa em seu coração? Não pronuncie!
O inimigo pode te ver chorar, arrepiar, babar… mas são apenas sinais de mensagens que só o Senhor Deus pode receber direta e claramente.

E não há criatura alguma encoberta diante d’Ele;
antes todas as coisas estão nuas e patentes
aos olhos d’Aquele a quem havemos de prestar contas.

(Hebreus 4:13)

O texto está ficando bem extenso e prometo voltar a considerar a excepcional capacidade de observação do inimigo no futuro, quando chegar o momento certo de falar sobre “operação remota” do corpo e mimetização de personalidades.

Obrigado por ter lido até aqui e peço que, se esse texto serviu para sua edificação, considere fraternalmente colaborar para que o autor tenha condições de continuar dedicando tempo à criação e produção de conteúdo como esse.

Desejando colaborar financeiramente com qualquer valor, minha chave PIX principal é [email protected] e essa imagem é do meu QR code: meu nome é Geovane Ignácio de Souza, o trecho do CPF a aparecer deve ser o “927.157” e a instituição financeira é o Nubank.

Por mais que queira, destaco que não tenho em mim mesmo a menor capacidade de forçar o Pai a te abençoar por causa disso, mas oro a Ele pedindo para que, no tempo correto e na medida multiplicada, retribua a bondade realizada da forma mais adequada: seja através de livramentos ou de diversas bênçãos possíveis.

Aqui quem escreve é o velho Teóphilo Noturno e prossigo, contra todas as adversidades, tentando alcançar — todas as terças e quintas pela noite — unidades desorientadas (e, quiçá, até as atualmente em poder do inimigo) através dos informes consolidados e atualizados que chamo d’O Pior Evangelho do Mundo.

Parafraseando o apóstolo Paulo em Efésios 6: 23-24: que a graça e a paz sejam conosco, todos os que amam a nosso Senhor Jesus Cristo em sinceridade, hoje e para todo o sempre!

Ficou querendo ver melhor a imagem de abertura?

Por favor, curta e compartilhe
para alcançar mais pessoas!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no tumblr

OUTROS TEXTOS DO MESMO AUTOR

Leave a comment

PESQUISAR