Skip to content Skip to footer

O Termômetro Do Fim

Em Iminência de Ebulição…

ANTES DE PROSSEGUIR, POR FAVOR, VEJA ESSA IMPORTANTE INFORMAÇÃO

OBRIGADO PELA ATENÇÃO. ABAIXO ESTÁ O CONTEÚDO QUE BUSCOU:

Desde que Cristo subiu aos céus para assentar-se à direita do Pai, algumas das perguntas mais comuns — que vêm atravessando gerações de toda a humanidade espalhada pelo mundo — são referentes a seu retorno e os eventos diretamente relacionados a isso, como tribulação e arrebatamento: o interesse pelo assunto é tão grande que acaba até se tornando um tanto inconveniente aos que querem pregar outros aspectos do evangelho, mas acabam sendo constantemente interpelados pelas mesmas velhas e repetitivas perguntas relacionadas ao “termômetro do fim”.

Crendo em Cristo, não posso menosprezar a validade e a importância do assunto, mas se em maio de 2005 já era “assediado” por tais questões (ao ponto de ter escrito esse estudo), agora, com todos os lockdowns pandêmicos em março de 2021, não é de surpreender que estejamos vivendo um frenesi pré-apocalíptico amplificado pela informatização da ignorância bíblica.
Mas essa é uma conversa tão antiga que até o apóstolo Paulo acabou tendo de se pronunciar sobre ela:

Caros Irmãos,
Quanto ao retorno do nosso Senhor Jesus Cristo e à nossa reunião com Ele,
vos suplicamos que não permitais que vosso modo de crer seja influenciado,
nem fiqueis amedrontados por causa de profecia, palavra ou carta atribuídos indevidamente à nossa autoria,
como se o Dia do Senhor já tivesse chegado.
Não vos deixes enganar de forma alguma, por ninguém.
Porquanto, antes daquele Dia virá a apostasia
e, então, será revelado o homem da iniquidade, o filho da perdição.
Aquele que se opõe e se exalta acima de tudo o que se chama Deus ou é objeto de adoração,
a ponto de se assentar no santuário de Deus, apresentando-se como Deus.
Não vos lembrais de que eu costumava compartilhar convosco acerca desses acontecimentos?
No entanto, vós sabeis o que o está detendo nesse momento, para que ele seja manifestado no seu devido tempo.
Na realidade, o mistério da iniquidade já está em ação, restando tão somente que seja afastado aquele que agora o detém.

(2 Tessalonicenses 2:1-7 – KJA)

Como já escrevi bem especificamente tanto sobre a apostasia quanto sobre a retirada do “aquele que agora o detém” (também conhecida como arrebatamento), a jornada que iniciamos agora se relaciona especificamente aos sinais que foram profetizados para nos permitir ter vaga noção de que o dia e a hora — dos quais ninguém além do Criador sabe exatamente — estão próximos.
Há muitos pastores e teólogos capazes de enriquecer o conteúdo a seguir através de seus comentários, assim como haverão muitos ávidos por refutá-lo, mas, como sempre digo, só serão aceitas as críticas e sugestões devidamente amparadas em citações bíblicas pertinentes: sejam como os Bereanos e peguem suas Bíblias, tanto para ler as passagem citadas que não serão transcritas, quanto para verificar se o que estou dizendo é mesmo dessa forma!

SINAIS EVIDENTES

Então, Jesus saiu do templo e, ao caminhar, seus discípulos chegaram mais perto dele para lhe apontar as construções do templo.
Ele, entretanto, lhes observou:
‘Estais vendo todas estas coisas?
Com toda a certeza Eu vos afirmo que não ficará aqui pedra sobre pedra, pois que serão todas derrubadas’.
Tendo Jesus se assentado no monte das Oliveiras, os discípulos chegaram até Ele em particular e lhe pediram:
‘Dize-nos quando ocorrerão estas coisas?
E qual será o sinal da tua vinda e do final dos tempos?’

(Mateus 24:1-3 – KJA)

Se houvesse um ranking medindo as perguntas mais repetidamente formuladas pela humanidade, certamente essa dos apóstolos estaria entre as cem primeiras posições.
Não podemos ignorar que as respostas oferecidas por Jesus têm teor profético e vão abranger mais de um período histórico, principalmente por terem sido respostas para satisfazer questões formuladas por judeus que misturaram perguntas sobre o templo do qual haviam acabado de sair com questões de teor puramente escatológico: o discurso de Cristo é como um tiro que acerta com exatidão no primeiro alvo, ricocheteia e vai atingir também o centro de um segundo!

OS FALSOS CRISTOS

Então Jesus lhes revelou:
‘Cuidado, que ninguém vos seduza.
Pois muitos são os que virão em meu nome,
proclamando: ‘Eu sou o Cristo!’,
e desencaminharão muitas pessoas’.

(Mateus 24:4-5 – KJA)

Os tantos após-tolos além dos doze, generais e “generalas” do exército” de Deus, profetas de meia-tigela e toda a sorte de enganadores que já surgiram, têm surgido e ainda surgirão são mencionados aqui e a lista de passagens que confirmam este tipo de sinal conta com a referência anterior de Mateus 7:21-23, encontra suporte tanto nos versos 23 e 24 do mesmo capítulo quanto em II Coríntios 11:3-4, 13-15; Colossenses 2:8; I Timóteo 4:1-3; II Timóteo 3:8-9, 13; tendo seu ápice em Apocalipse 21:8 e 22:15, quando são mencionados os mentirosos.
Há muitos outros alertas por toda a Bíblia, porém creio que estes são suficientes por enquanto.

Há alguma novidade aqui?
Há alguma dúvida de que essa parte da operação de engano já se iniciou?
A pergunta que devemos formular ao verdadeiro cristão dos dias de hoje não é mais sobre sua posição denominacional — pois a infiltração dos falsos evangelhos é ampla, geral, irrestrita e profunda — e sim sobre seu entendimento e fé na pureza da doutrina bíblica: o indicador do termômetro do fim não mais sofre grande influência da apostasia porque, independente da placa de franquia ostentada na frente, há pouquíssimas empresas eclesiásticas que ainda não se contaminaram…

TEMPOS TRABALHOSOS

E vós ouvireis falar de guerras e rumores de guerras,
todavia não vos desespereis,
porque é preciso que tais coisas ocorram,
mas ainda não será o fim.
Porquanto, nação se levantará contra nação, e reino contra reino.
Haverá fomes e terremotos em vários lugares.

(Mateus 24:6-7 – KJA)

Sucessivas guerras, fomes, pestes, terremotos… experimente somar tais sinais aos que são descritos em II Timóteo 3:1 e compare com a situação do mundo atual: será que já estamos vivendo os chamados “tempos trabalhosos”?
Verifique como cada um dos quesitos citados está aparecendo a cada dia com maior frequência e nem mesmo os canais de mídia (abertamente posicionados contra os cristãos) são capazes de ocultar que a derrocada final da humanidade… e não estou me referindo à ecologia!

A violência — tão atroz que se tornou “normal” — é anunciada no mesmo tom que a cotação da bolsa de valores enquanto os clamores por “paz” se multiplicam, mas… que “paz” é essa?
Percebam que a “paz” buscada pelas multidões é baseada não apenas na tolerância, mas na entronização do pecado: adulação de toda degeneração sexual, elevação do ecumenismo à categoria de “religião sublime”, embrutecimento e desvalorização da criatura humana (seja normalizando o uso do corpo como objeto — para fins sexuais ou mera “fonte para reposição de peças” — ou sendo desprezada em detrimento à “superioridade” e “santidade” da natureza).

Falando da mídia, não podemos deixar de mencionar que entre os produtos mais atrativos de sua vitrine está um sentimento estranho que chamam de “alegria” e são capazes de transformar qualquer data — a despeito de seu teor (muitas vezes pedindo momentos de reflexão) — em motivo para muitas festas, sempre permeadas por um turbilhão de bebidas, drogas, sexo…
O que está sendo comemorado afinal?
Diante das profecias e do quadro mundial cada vez pior, só pode ser a celebração da vitória de Satanás e seu pleno domínio sobre aquelas vidas… e o mais dramático é que até mesmo os jovens cristãos estão aderindo a essas celebrações vazias e frequentado a versão gospel das chamadas “nights” ou “baladas”!
Qual o objetivo de se trazer o mundo para dentro da Igreja?

Ora, o único resultado possível da crescente “amizade” entre cristãos ignorantes da Palavra e o mundo é a “embriaguez”: a proliferação do joio que se mistura entre o trigo é a fratura praticamente irreconciliável entre as tantas empresas eclesiásticas e a Igreja que, por ser o Corpo invisível de Cristo neste plano, é única.
Essa multidão de “cristãos” analfabíblicos dificilmente será capaz de compreender os requisitos da santidade bíblica e, intelectual e emocionalmente possessos, no tempo certo serão seduzidos pela proposta obscena de alcançarmos — sem Deus! — a paz mundial!

Sim, a paz!
Mas nunca a citada por Jesus em João 14:27
O mundo degenerado viverá uma paz criada por força, através do recolhimento de todas as armas — só serão utilizadas por criminosos e agentes governamentais, deixando o cidadão sem possibilidade de reação defensiva e refém de potestades com questionáveis objetivos — ; fundamentada no ecumenismo — todos poderão servir a quantos “senhores” quiserem… quem se preocupa com aquele texto obsoleto de I Coríntios 10:21? —; consolidada através do sexo livre, da plena realização de todos os desejos e degenerações da carne!
Vem aí uma nova Babilônia que fará Sodoma e Gomorra soarem como ingênuas…

CONHEÇA OS HABITANTES DO FUTURO PRÓXIMO

Sabe, entretanto, disto:
nos últimos dias sobrevirão tempos terríveis.
Os homens amarão a si mesmos,
serão ainda mais gananciosos,
arrogantes,
presunçosos,
blasfemos,
desrespeitosos aos pais,
ingratos,
ímpios,
sem amor,
incapazes de perdoar,
caluniadores,
sem domínio próprio,
cruéis,
inimigos do bem,
traidores,
inconsequentes,
orgulhosos,
mais amigos dos prazeres do que amigos de Deus,
com aparência de piedade, todavia negando o seu real poder.
Afasta-te, portanto, desses também.

(2 Timóteo 3:1-5 – KJA)

Você poderia desconfiar que esse tal Paulo andou acompanhando de perto todas as notícias dos últimos anos antes de nos informar essas características de aferição do termômetro do fim, mas Paulo viveu “só” quase dois mil anos atrás!
Essa passagem apresenta com assombrosa perfeição o perfil psicológico e comportamental da humanidade que está prestes a usufruir do “mundo de paz” progressista que está sendo estabelecido pela “força do bem” — entenda quem puder — que é o amálgama entre as ideologias vermelhas e as Big Techs.

Na ocasião do texto original, lançava mão das versões Almeida Corrigida e Fiel (ACF) e Nova Tradução na Linguagem de Hoje (NTLH): a primeira é boa, a segunda bem estranha e atualmente tenho preferido a King James Atualizada (KJA)
Mas o fato é que existem simplesmente centenas de episódios reais que podemos associar a cada uma das características apresentadas na passagem acima e, a seguir, tentando criar um registro útil aos que não se curvarão diante do deus mídia, farei uma lista explicando o significado das palavras e, se possível, sua associação a alguma notícia.

AMANTES DE SI MESMOS (ACF, KJA) / EGOÍSTAS (NTLH)

Na versão Almeida Corrigida e Fiel (ACF), o termo “amantes de si mesmos” dá um amplo entendimento e, através disso, inclui todas as possíveis formas de “culto ao ego” desenvolvidas pelo homem: os metrossexuais, vaidade (piercings, tatuagens, cirurgias estéticas…), culto ao corpo. Já a versão traduzida na linguagem de hoje (NTLH) banaliza o termo, restringindo-o a mero egoísmo.

O maior vício da esquerda identitária é a intolerância: um erro ou uma impressão de um erro torna-se razão para um massacre, um linchamento brutal promovido por militantes que se alimentam de sangue, em nome de falsa justiça, para coroar a egolatria vitimista deles.

AVARENTOS (ACF / NTLH) / GANACIOSOS (KJA)

Aqui a concordância entre as duas primeiras versões destacava a avareza, ou seja, a característica de não gastar algo que já é de nossa posse: podemos dizer que a humanidade é avarenta não apenas com as finanças, mas também espiritualmente ao não se dedicar ao estudo da Palavra de Deus
A versão King James apresenta uma perspectiva piorada, pois a ganância implica em querer conquistar não apenas aquilo que ainda não se tem, assim como, provavelmente, em quantidade maior do que a necessária…
Ambas as palavras descrevem perfeitamente essa geração.

PRESUNÇOSOS (ACF, KJA) / ORGULHOSOS (NTLH)

A medida do mundo é o homem e ele tem a presunção de que o universo gira ao seu redor, inclusive o próprio Deus… aliás, o ser humano tem sido treinado para crer que é o próprio Deus!
Veja se as pessoas ainda respeitam enquanto se está manobrando um automóvel?
Veja se quem está numa bicicleta está atento ao trânsito…
Parece que as pessoas perderam a noção da fragilidade do corpo humano ou então muitos se expõem a riscos desnecessários pensando nos possíveis lucros que podem auferir através de um processo judicial, esquecendo que o objeto em risco naquele momento é sua própria vida!
Um grande exemplo dessa presunção é encontrado naqueles que se acham maiores que as forças do próprio mar… e morrem afogados!
O cúmulo da presunção é desafiar o próprio Deus.

SOBERBOS (ACF) / VAIDOSOS (NTLH)

É um dos sinônimos para presunção, porém tem o significado mais ligado a confiança que os homens terão em si mesmos e em sua tecnologia e em seus armamentos… serão soberbos por confiarem em suas criações e as exaltarem como a solução para todos os males.

BLASFEMOS (ACF, KJA) / XINGADORES (NTLH)

Ultrajar ao próprio Deus hoje em dia é moda: chamá-lO por nomes impróprios, culpá-lO por seus próprios pecados, duvidar de Sua soberania… e acreditar na grande mentira de Nietzsche: “Deus está morto”.
Já o termo da NTLH, apesar de fazer referência aos lábios impuros, já não implica diretamente na menção do nome de Deus.

Ser um “xingador” é diferente de ser um “blasfemo” e ambas as ações são condenadas nas Escrituras, mas amaldiçoar ao próprio Deus é gravíssimo!

DESOBEDIENTES (ACF, NTLH) / DESRESPEITOSOS (KJA)

Como serão reverentes ao Senhor se não têm respeito nem pelos próprios pais?
A quem respeitarão os que não temem nem reconhecem a autoridade?
Conforme se sucedem as gerações, os pais têm cada vez menos assumido a responsabilidade pela educação de seus filhos, pensando que basta estarem matriculados na escola, num curso qualquer ou num esporte…
Como uma geração conhecerá os “antigos limites” se não for instruída sobre eles?

Os heróis dos desenhos e filmes modernos têm a “atitude” a ser copiada: superioridade, desprezo pelo próximo, conhecimento científico e de métodos — notem que não há estudo, o conhecimento é implantado (como em “Matrix”), portátil (como em muitos desenhos onde sempre há um “computador sabe tudo”) ou vêm até mesmo através da clara possessão espiritual (um monte de desenhos japoneses com cartas, peões, samurais…).
Como haverá obediência se são bombardeados pela mídia com mensagens sobre a sublime beleza da rebeldia?

Notem que esse conhecimento NUNCA vem de (nem é relativo a) Deus — a quem obedecerá esta geração de “filhos da mídia eletrônica”?
Cada dia mais normais as notícias de filhos que matam pais ou vice-versa… isso era comum a algum tempo atrás?

INGRATOS

O senso de que qualquer um “não está fazendo mais do que a obrigação”; a mentalidade do “já que paguei, logo tenho direito”… a incapacidade de reconhecer qualquer esforço benevolente por parte daqueles que o cercam e, ao mesmo tempo, de retribuir.
O cúmulo da ingratidão é quando sequer agradecem a Deus pela vida, pela saúde e por tudo que possam ter… sempre querem mais (independente do mérito) e, quando obtêm, aquilo não é nada mais do que a obrigação de Deus… caso contrário, Deus ou quem não realizou suas vontades corre o risco de ser taxado de incompetente ou tirano!
Essa é nossa linda juventude…

PROFANOS (ACF) / ÍMPIOS (KJA) / SEM RESPEITO PELA RELIGIÃO (NTLH)

A coisa “mais linda” para as meninas de hoje é dizer que é “Wicca”… afinal, está na moda!!
Mesmo sem saberem que uma bruxa é uma mulher que serve diretamente a Satanás, elas buscam naquele mistério a solução de seus problemas: chegam a ser ridículas as extensas reportagens — especialmente no canal redondo — sobre a “bondade” que elas têm e as “forças da natureza” em que acreditam… e desde quando as criaturas tem mais poder que o Criador?

Infelizmente não acaba aí: estamos testemunhando um avivamento e popularização do esoterismo através de cristais, incensos, rituais… até mesmo dentro de algumas empresas eclesiásticas ditas “cristãs” podemos encontrar idolatria, amuletos, mediunidade e até métodos de meditação oriental!

Tudo isso só tem um nome: heresia!
Já o termo da NTLH suscita dúvidas, pois a palavra “religião” não significa diretamente o ato de seguir a Jesus Cristo filho de Deus, mas permite incluir até mesmo, por exemplo, o satanismo.

SEM AFETO NATURAL (ACF) / SEM AMOR PELOS OUTROS (NTLH)

O malignidade dessa geração cheia de adjetivos como os listados até aqui já afastavam as pessoas de qualquer relacionamento afetuoso mais espontâneo: a versão original desse texto foi escrita durante o final de semana referente ao “Dia das Mães” em 2005, data cujo teor deveria ser totalmente afetivo, mas que já foi completamente substituída por um momento puramente comercial e figurativo onde as demonstrações de sentimento se converteram em presentes utilitários, tecnológicos ou até mesmo de explícito apelo sexual.
A cultura viciou a correlação direta entre o amor — que abrange uma variedade de sentimentos como ágape, storge, philos e eros — e o sexo, que pode ser praticado, como nas guerras onde se estupram as vítimas, até mesmo com sentimento de ódio…

Se naquela época já vivíamos dias de comércio, violência, distância interpessoal, superficialidade emocional, interesse material e sensualidade, o que dizer do “distanciamento social” oficialmente estimulado em decorrência dessa pandemia desde 2020?

IRRECONCILIÁVEIS (ACF) / INCAPAZES DE PERDOAR (KJA) / DUROS (NTLH)

Aqui vou ter de citar a minha segunda principal fonte de pesquisa favorita, que é o “Aurélio”. As definições apresentadas para o termo “reconciliar” são tão “redondas” que parecem ter sido escritas para entrar neste estudo. Vejam:

1. Estabelecer a paz entre;
2. Tornar amigos (pessoas que se malquistaram);
3. Restituir à graça de Deus;
4. Por de acordo, conciliar (coisas que parecem opostas);
5. Congraçar, harmonizar;
6. Fazer as pazes, congraçar-se.

Os irreconciliáveis são pessoas incapazes de realizar uma, algumas ou todas dentre as definições dadas… atenção especial na de número três!
Já o termo “duro”, da NTLH, apresenta 16 definições e nenhuma delas é tão objetiva quanto as do termo anterior, sendo que algumas delas podem até ser consideradas elogiosas: novamente a “Linguagem de Hoje” deixa espaço para interpretações dúbias…

CALUNIADORES

Vós pertenceis ao vosso pai, o Diabo;
e quereis realizar os desejos de vosso pai.
Ele foi assassino desde o princípio,
e jamais se apoiou na verdade,
porque não existe verdade alguma nele.
Quando ele profere uma mentira, fala do que lhe é próprio,
pois é um mentiroso e pai da mentira.

(João 8:44 – KJA)

A banalização da mentira infesta pessoas que, em outras épocas, deveriam ter comportamento ilibado: pastores, juízes… presidentes: se nem as criaturas humanas com acesso à riqueza, a nobreza, a responsabilidade ou o poder estão conseguindo se manter afastadas de tais práticas, quanto mais o populacho ganancioso que anseia por levar vantagens a qualquer preço!

Sobre isso a Bíblia apresenta duas importantes recomendações:

Contudo, meus queridos irmãos; não jureis, nem pelo céu, nem pela terra,
tampouco façais qualquer outro juramento.
Seja suficiente a vossa palavra; sendo sim, que seja sim; quando não, não.
Procedei assim para não cairdes em condenação.

(Tiago 5:12 – KJA)

Assim diz Yahweh:
“Maldito é o homem que confia nos homens,
que faz da humanidade mortal a sua força e motivação,
mas cujo coração se afasta do SENHOR!

(Jeremias 17:5 – KJA)

INCONTINENTES (ACF) / INCAPAZES DE SE CONTROLAR (NTLH)

Também são “figurinhas fáceis” em nossos dias!
Há um longo treinamento ocorrendo a décadas para que os apelos psicológicos subliminares (ou nem tanto) tenham um efeito devastador: cerveja, cigarro, consumismo injustificável… a sociedade incentiva os abusos sob a desculpa de “alívio” e “diversão”, mas a realidade é que a carne sempre foi fraca e atualmente mais ainda!

Se formos falar em sexo então… corpos nus disponíveis a qualquer horário através de qualquer canal aberto e da internet, a busca irrefreável pelo prazer: não me refiro apenas ao solitário, mas também a destruição de casamentos pela noção de que uma “escapadinha” é algo normal!
O deus deste século foi muito bem sucedido ao tornar a humanidade refém de seus próprios instintos… os mais baixos por sinal: poucos são capazes de visualizar o quadro real e tentar mudar isso em suas vidas.

No entanto, fora estão os cães,
os bruxos e ocultistas,
os que cometem imoralidades sexuais,
os assassinos,
os idólatras
e todos os que amam e praticam a mentira.

(Apocalipse 22:15 – KJA)

Essa passagem bíblica apresenta uma lista bastante clara dos que não terão acesso à árvore da vida nem à Cidade Santa e define com perfeição todos os itens enumerados até aqui, mas vamos completar a lista para cumprir a proposta inicial.

CRUÉIS (ACF, KJA) / VIOLENTOS (NTLH)

No dicionário podemos encontrar, para estes adjetivos que não são sinônimos, definições peculiares:

CRUEL
1. Que se compraz em fazer mal, em atormentar ou prejudicar; cruento;
2. Duro, insensível, desumano, cruento;
3. Severo, rigoroso, tirano;
4. Que denota crueldade;
5. Pungente, doloroso;
6. cruento.

VIOLENTO
1. Que age com ímpeto; impetuoso;
2. Que se exerce com força;
3. Agitado, tumultuoso;
4. Irascível, irritadiço;
5. Intenso, veemente;
6. Em que se faz uso de força bruta;
7. Contrário ao direito e à justiça.

Achei extremamente curiosa a oportunidade de promover essa revisão em 2021 porque tais características não apenas definem o atual comportamento de boa parte da sociedade, mas são definições irretocáveis de como têm agido os membros do STF, Supremo Tribunal Federal, brasileiro, ao obedecer seu verdadeiro mestre e cumprir sua parte no que profetizou Daniel:

E proferirá palavras contra o Altíssimo,
e destruirá os santos do Altíssimo,
e cuidará em mudar os tempos e a lei;
e eles serão entregues na sua mão, por um tempo, e tempos, e a metade de um tempo.

(Daniel 7:25 – ACF)

O vilipêndio da Constituição brasileira está de acordo com o que ocorre pelo mundo inteiro, assim como a imposição de sofrimento aos santos… e são apenas mais evidências de que o termômetro do fim está prestes a explodir!

NADA FAZEM ALÉM DE CUMPRIR SEU PAPEL PROFÉTICO:
PROMOVER O IMINENTE REINADO DO ANTICRISTO.

SEM AMOR PARA COM OS BONS (ACF) / INIMIGOS DO BEM (KJA, NTLH)

A sociedade está sendo modelada para praticar e se submeter ao mal de todas as formas possíveis: qualquer um que se opuser às práticas impostas, mesmo que não sirva a Cristo, será tomado por “inimigo da humanidade”. Qualquer conservador politicamente incorreto será punido: atualmente com o assédio moral dos “cancelamentos”, mas muito em breve com a mesma pena de morte imposta aos piores criminosos.

Ai daquele que tentar exortar ou repreender de acordo com a sã doutrina!
Ai daquele que tentar se portar com justiça e dignidade!

TRAIDORES

Esse adjetivo consegue concatenar vários dos anteriormente citados, pois um traidor necessita trair alguém ou alguma coisa. Logo, uma traição pode envolver mentira, incontinência, crueldade, ingratidão, egoísmo… a partir de um indivíduo ou até mesmo de todo um grupo!
É necessário por links para notícias sobre Frota, Dória, Joyce, Moro ou MBL para complementar essa definição?
E a coisa fica ainda mais complexa se formos levar em consideração que o próprio Bolsonaro traiu, prejudicando com leis aos militares, particularmente os inativos, trouxas como eu, que foram seus maiores entusiastas nas eleições de 2018…

OBSTINADOS (ACF) / ATREVIDOS (NTLH) / INCONSEQUENTES (KJA)

Essa é a única vez em que cada versão cita um termo diferente e que, para complicar, não são sinônimos entre si, apesar de apresentar características indeléveis da sociedade atual.

OBSTINADO
1. que persiste; firme, pertinaz.
2. que não se deixa convencer; inflexível, irredutível.
3. defensor ferrenho de uma opinião ou de um propósito; teimoso, casmurro.
4. indivíduo persistente, firme, perseverante, teimoso, turrão.

ATREVIDO
1. que ou aquele que se atreve; ousado, audacioso.
2. que ou aquele que não demonstra medo ou submissão; corajoso, destemido.
3. que ou aquele que não demonstra o devido respeito pelos outros, esp. na maneira de falar; irreverente, insolente, malcriado.
4. que ou aquele que se julga melhor que os outros; presumido, petulante.

INCONSEQUENTE
1. que não é consequente; em que há inconsequência.
— (raciocínio) contrário à lógica, ao bom senso; absurdo, ilógico, contraditório.
— (caráter, espírito) que revela falta de reflexão, de ponderação, de prudência; irresponsável, irrefletido, imprudente, leviano.
2. que ou aquele que não mede as consequências de seus atos e/ou palavras; irresponsável, imprudente, leviano.
3. que ou aquele que não é coerente, está em contradição consigo mesmo, não é fiel a suas convicções, ideias, palavras, conduta etc.

Obstinados a disseminar o mal, atrevidos na prática do mal, inconsequentes por não reconhecer o mal que causam e, quando alcançados por ele, se vitimizar diante da justiça: eis a definição exata de toda militância vermelha!

ORGULHOSOS

Adjetivo aplicado à soberba, à vaidade, à presunção…neste caso apenas a NTLH se repete ao citar “cheios de orgulho” quando já havia citado “orgulhosos” anteriormente: seria evidência de tradução desatenciosa?

MAIS AMIGOS DOS DELEITES (OU PRAZERES) DO QUE AMIGOS DE DEUS

Depois de tanto egoísmo, vaidade, ódio pelos bons, traição, falta de afeto, desobediência… você ainda crê que alguém desta geração terá disposição de abandonar sua vida carnal cheia de “deleites” para se colocar a disposição de Deus?!? Como alguém que só crê na matéria poderá viver uma experiência espiritual? Como alguém que vive no profano irá buscar o sagrado?
Somente pela ação do Espírito Santo!
Mas não esqueça que, justamente por esses mesmos dias, estão se cumprindo os fatos profetizados em 2 Tessalonicenses 2:3-12 e é fundamental que cada uma das profecias bíblicas se cumpra com exatidão!

Quem veio detendo a ação do iníquo através da história?
O Espírito Santo.
Logo, o que estamos testemunhando agora é a preparação para que ele seja retirado de vez, haja vista as aberrantes operações de engano que têm lugar nas empresas eclesiásticas.
Sobre essa questão, não deixe de ler “Arrebatamento“.

TENDO APARÊNCIA DE PIEDADE, NEGANDO-LHE, ENTRETANTO, O (REAL) PODER (ACF, KJA) / PARECERÃO SER SEGUIDORES DA NOSSA RELIGIÃO, MAS COM AS SUAS AÇÕES NEGARÃO O VERDADEIRO PODER DELA (NTLH)

Essa é a única vez em que a definição da NTLH conseguiu superar os termos utilizados na ACF, pois é justamente isso o que está ocorrendo nas franquias e empresas eclesiásticas: a tão celebrada lotação dos templos só presta para tornar as pessoas distantes como nunca da verdade bíblica!

Propósitos, campanhas, Batalhas de Alto Nível, G12… os asseclas de Peter Wagner já assumiram suas posições no pódio doutrinário e têm defensores ferrenhos: se um novo crente não conhecer a verdade, que poder ele terá… o dos amuletos vendidos nos templos?
Terá somente as bênçãos “compradas” por ofertas exigidas ou as de uma pessoa morta que intercederá por elas no céu?
Suas experiências serão somente a dos “encontros tremendos”?
Precisará confessar seus pecados a um “irmão cheio do Espírito Santo” ou terá de fazer regressão para poder ser perdoado e limpo?
Necessitará de yoga para falar com Deus?
Culpará a Deus por ser tentado e por seus pecados?

Que tempo trabalhoso e insano para os bons…
Que dias maravilhosos e abundantes para os ímpios!
E é neste tempo incomum que se cumpre o fantástico texto de uma das profecias que me impressiona cada vez mais:

Pois que, quando disserem: Há paz e segurança,
então lhes sobrevirá repentina destruição,
como as dores de parto àquela que está grávida,
e de modo nenhum escaparão.

(1 Tessalonicenses 5:3 – ACF)

Notem que se repete aqui uma referência às dores do parto, que serão sinal característico desse período da história porque o próprio Cristo também afirmou:

Contudo, esses acontecimentos serão apenas como as primeiras dores de um parto.

(Mateus 24:8 – KJA)

Muitos cristãos deixam de fazer uma análise minuciosa do texto, se permitindo criar uma diferenciação entre as “dores” e a “tribulação” enquanto, a meu ver, não há como diferenciar claramente um termo do outro, pois o sofrimento irá crescer gradualmente… exatamente como as dores de um parto!
Mesmo ao observar atentamente o texto de 1 Tessalonicenses 4:13-18, não há qualquer referência a algum arrebatamento antes desse chamado “princípio das dores”, muito pelo contrário: no verso 15 há uma clara chamada aos “que ficarem vivos”… e quem seriam estes?
Conheçamos então…

MAIS UMA FÓRMULA MATEMÁTICA

Voltemos ao texto de Mateus 24, onde Jesus Cristo ensina uma verdadeira fórmula matemática para que obtenhamos um “termômetro do verão” (a proximidade da volta) e diz:

Portanto, aprendei com a parábola da figueira:
quando, pois, os seus ramos se renovam e suas folhas começam a brotar,
sabeis que está próximo o verão.

(Mateus 24:32 – KJA)

Note agora um raciocínio matemático simples baseado neste verso:

(Quando já os seus ramos se tornam tenros) e (brotam folhas) sabeis que está próximo o verão.
(Quando…) + (brotam…) = próximo o verão.
(condição 1) + (condição 2) = ALERTA

Até aí tudo bem? Agora veja:

Da mesma forma vós:
quando virdes todos esses acontecimentos,
sabei que Ele está muito próximo, às portas.

(Mateus 24:33 – KJA)

Que acontecimentos seriam esses?
Não tenho dúvida que Cristo se referia ao cumprimento das profecias bíblicas relativas ao final dos tempos. Logo:

(cumprimento da profecia 1) +
(cumprimento da profecia 2) +
(cumprimento da profecia 3) +
… +
(cumprimento da profecia n)
_______________________________________
Ele está próximo, às portas!

Note então que Ele usa um termo referente a TODAS e a CADA UMA das profecias bíblicas referentes ao fim dos tempos e — ISTO É IMPORTANTE — TODAS ACONTECENDO AO MESMO TEMPO!!!
Não adianta ter um terremoto aqui, uma guerra ali, um falso profeta acolá… um Hitler em 1945… se estiverem dispersos, certamente não fazem parte da “equação”.
Agora vejamos com muita atenção esse verso:

Com toda a certeza Eu vos afirmo,
que não passará esta geração até que todos esses eventos se realizem.

(Mateus 24:34 – KJA)

E que geração seria esta?
Com certeza não eram aqueles ouvintes que, como escarnecem os incrédulos, já não mais existem há séculos: a geração que não passará sem ver o retorno de Cristo é a das pessoas que testemunharão o cumprimento simultâneo de todas as profecias!
Logo, fica fácil entender que algumas destas “coisas” ocorrerão antes da vinda do Senhor e não podemos negar que algumas serão bastante desagradáveis, mas quando Paulo fala “acerca dos que dormem” (em 1 Tessalonicenses 4) e sobre a vinda do Senhor (em 1 Tessalonicenses 5) parece haver algumas “dicas”:

Afirmamos a todos vós, pela Palavra do Senhor,
que nós, os que estivermos vivos quando se der o retorno do Senhor,
certamente não precederemos os que dormem nele.

(1 Tessalonicenses 4:15 – KJA)

E novamente, logo depois:

Logo em seguida,
nós, os que estivermos vivos sobre a terra,
seremos arrebatados como eles nas nuvens,
para o encontro com o Senhor nos ares.
E, assim, estaremos com Cristo para sempre!

(1 Tessalonicenses 4:17 – KJA)

ENQUANTO VOCÊ LÊ SOBRE OS SINAIS DO FIM,
O DRAGÃO ESTÁ CONCENTRANDO TODO PODER E AUTORIDADE
QUE ENTREGARÁ À BESTA…

A HORA DO DRAGÃO

Veja que no capítulo 5 ele permanece tratando sobre os eventos relativos a vinda do Senhor e acerca do comportamento a ser seguido no tempo presente. Logo eu questiono: estava ele recomendando apenas aos crentes de Tessalônica ou ele já sabia que tal mensagem seria entregue à “geração” que veria o cumprimento das profecias?
Sou levado a crer, então, que o arrebatamento ocorrerá após alguns desses sinais desagradáveis e que alguns cristãos poderão até ter “adormecido” em decorrência de tais eventos cataclísmicos e é por isso que eu vejo as recomendações de Paulo como algo ainda mais carinhoso… uma palavra de conforto aos que verão seus entes queridos (não gosto desse termo… entes) morrerem.

Sou levado a reforço minha hipótese ao observar que o próprio Jesus Cristo só menciona a vinda do Filho do Homem no verso 27 de Mateus 24, ou seja, após a citação de diversas “más notícias” e muitos avisos de precaução: se os destinatários desta mensagem já fossem “estar fora” antecipadamente, qual seria então o seu objetivo?
Estaria já falando aos que se tornarão santos após o recolhimento do Espírito Santo?
Ainda que algumas das referências sejam destinadas apenas ao povo de Israel (versos 9 e 10 = 2ª Guerra Mundial?), ainda há motivos suficientemente bons para que estejamos atentos e vigiando, pois é isto que o Mestre recomenda!!

CONCLUSÃO

Após todo esse raciocínio, continuo torcendo muito para ser arrebatado ANTES de tantos eventos cataclísmicos, mas desconfio que o arrebatamento possa ocorrer após o início da tribulação (que também é chamada de “dores”), mas não necessariamente só após toda a tribulação…
Ressalto que esta é apenas minha opinião tendo por base a presente análise comparativa e cada um dos textos bíblicos a que me referi.

Posso estar errado?
É claro!
Mas peço então que, em caso de refutação ou adições ao assunto, mandem mensagens contendo as referências bíblicas pertinentes, pois garanto que serão lidas e consideradas atenciosamente.
No mais, espero que este estudo sirva para fundamentar e exortar… nunca para julgar pessoas, mas sim agir corretamente e dentro do prescrito na sã doutrina.

Obrigado por ter lido até aqui e, verdadeiramente, preciso de qualquer colaboração que puder me oferecer: comentários, compartilhamentos e reações ajudam a divulgar este conteúdo que foi produzido com intenção de colaborar para a edificação do Corpo de Cristo no mundo.
Um link encurtado e de fácil memorização para essa postagem é:

https://cutt.ly/termometrodofim

Aqui quem escreve é o velho Teóphilo Noturno e prossigo, contra todas as adversidades, com meus informes atualizados e consolidados, tentando alcançar — nas noites de terças e quintas — unidades desorientadas e até, talvez, atualmente sob domínio do inimigo.
Ao conteúdo que produzo chamo d’O Pior Evangelho do Mundo e sinceramente espero que essa publicação tenha promovido reflexão e colaborado para sua edificação: sempre busco exclusiva e sólida base bíblica, sendo totalmente desvinculado de qualquer franquia de empresas eclesiásticas ou emprejas em particular.

Em 2018 o Senhor permitiu que a surdez me tocasse e, a despeito de minha fé e todos os esforços pessoais que realizei, as necessidades cotidianas e as contas não cessam, colocando a mim e minha família em sérias dificuldades financeiras, especialmente após a morte de minha mãe.
Diante disso, não me envergonho ao pedir seu auxílio para suprir necessidades diversas que vão de comida e remédios até custeio de domínio e hospedagem.

NÃO É SUA OBRIGAÇÃO me ajudar, mas tenha certeza de que qualquer doação efetuada irá proporcionar não apenas recursos materiais, mas também tempo para me dedicar a estudar, escrever e produzir conteúdo ainda mais relevante para a edificação dos leitores.

Compartilhar as publicações já ajuda, mas tendo recursos e desejando colaborar financeiramente — com qualquer valor! — minha chave PIX principal é [email protected] e essa imagem é meu QR code: o nome de confirmação é Geovane Ignácio de Souza e o trecho do CPF a aparecer deve ser o “927.157“, sendo realizada uma movimentação destinada ao Nubank

Destaco que, por mais que queira, não tenho em mim mesmo a menor capacidade de forçar o Pai a te abençoar por sua generosidade, mas oro a Ele pedindo que, no tempo certo e na medida multiplicada, retribua a bondade realizada da maneira mais adequada: não apenas na restituição multiplicada do valor doado, mas também através dos mais diversos livramentos e bênçãos que, em minha limitação humana, sequer posso imaginar antecipadamente, mas que já estavam nos planos do Todo-Poderoso Deus desde antes da fundação do mundo.

Parafraseando o apóstolo Paulo em Efésios 6: 23-24: que a graça e a paz sejam conosco, todos os que amam a nosso Senhor Jesus Cristo em sinceridade, hoje e para todo o sempre!

Ficou querendo ver melhor a imagem de abertura?

Esse texto te edificou? Fez refletir?
Por favor, curta e compartilhe
para que alcance mais pessoas!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no tumblr

Notificação De Postagens Por E-mail

Em 04 de outubro de 2021 algumas das maiores redes sociais passaram horas desligadas.
Há rumores de que um “GRANDE APAGÃO” será sucedido por OPRESSIVO CONTROLE SOCIAL virtual.
Não posso prever o real impacto, mas, caso seja possível, continuarei estudando e publicando sobre as Escrituras: inscreva-se para, a partir da próxima, receber notificação em seu e-mail a cada nova publicação n’O Pior Evangelho.

(CASO NECESSÁRIO, OPORTUNAMENTE SERÁ ENVIADO CONTEÚDO INTEGRAL)

OUTROS ESTUDOS DO MESMO AUTOR

Inscrição
Notificação de
guest
0 Comentários
Respostas inline
Ver todos os comentários
0
O que está achando? Por favor, comente!x