Skip to content Skip to footer

Singular

Nunca Mais Outro Igual…

POR FAVOR, VERIFIQUE SE HÁ NECESSIDADE DE CONFIRMAR SUA CURTIDA A SEGUIR:

OBRIGADO PELA GENTIL ATENÇÃO!

Aprouve ao Senhor Deus que estejamos nós — eu e vocês, caros leitores — vivos para testemunhar tão terríveis e vertiginosos dias quanto os que chamamos de hoje, onde de tal forma se multiplicou o mal que em breve será oficializada a, atualmente velada, caça aos cristãos genuínos, ou seja, àqueles que perseveram na estrita fidelidade às Escrituras e, por isso, somos chamados “conservadores” e odiados por isso.
Longe de ser o “dono da verdade”, a seguir apresento tanto algumas possibilidades do futuro quanto amargos fatos do presente… não para que sejam aceitos como ordens inquestionáveis, mas num convite à leitura das passagens bíblicas transcritas e artigos indicados (através de links) para reflexão e, nunca abandonando a solidez da Palavra de Deus, debate nos comentários: por favor, nos edifiquemos mutuamente!

ODIADOS DE TODOS

De fato, ao longo da história os verdadeiros cristãos nunca foram exatamente os preferidos da humanidade, principalmente porque o núcleo da fé não deve ser tornado em causa de lucro, prazer carnal ou popularidade: o amor que pregamos não se confunde com a permissividade, sendo indissociavelmente atrelado às coisas “chatas” como moralidade, santificação e justiça, apresentadas na Bíblia e sem quaisquer perspectivas de “atualização”…
Aliás, é justamente através desse anseio pelo alargamento dos caminhos estreitos que podemos, sem grandes dificuldades, identificar hereges, apóstatas, progressistas, estelionatários da fé e servos infiltrados de Satanás: gente capaz de acionar magistrados corruptíveis, crendo com firmeza que possam moldar a Palavra de Deus até que se encolha e adeque à concupiscência humana.

Sereis levados à presença de governadores e reis por minha causa, para testemunhardes a eles e aos gentios.
Todavia, quando vos prenderem, não vos preocupeis em como, ou o que deveis falar, pois que, naquela hora, vos será ministrado o que haveis de dizer.
Isso porque, não sois vós que estareis falando, mas o Espírito de vosso Pai é quem se expressará através de vós.

(Mateus 10:18-20 – KJA)

Infelizmente não são apenas estes que atuam contra os que querem seguir ao Senhor Jesus Cristo, mas também devemos aprender a reconhecer as armadilhas tramadas por boa parte de nossos “irmãos mais velhos”, os israelitas, que nunca aceitaram o fim de sua hegemonia e são capazes de fazer quase qualquer coisa para manter os gentios afastados da graça.
Por ter sua fé atrelada à etnia, são capazes de vestir gentios como judeus, pregar a circuncisão, instruí-los em suas práticas e, através disso, afastá-los da imensa graça espiritual, único e legítimo milagre capaz de torná-los verdadeiramente filhos de Deus: aceitam defuntos como se fossem seres viventes e os submetem a suas práticas religiosas abolidas… apenas para garantir que permaneçam mortos e afastados do Pai.
Eles são o filho pródigo, rebelados de tal forma contra o Pai que até farão aliança com o inimigo na expectativa de recuperar o poder e a glória outrora exclusivos: não devemos odiá-los, mas também não podemos nos submeter às suas práticas em hipótese alguma, apenas somos ordenados a orar pela paz em Israel, pois o próprio Pai, no tempo certo, lidará com eles.

Um irmão entregará à morte seu irmão, e o pai ao filho, e os filhos se rebelarão contra seus pais e lhes causarão a morte.
E, por causa do meu Nome, sereis odiados de todos.
Contudo, aquele que permanecer firme até o fim será salvo.

(Mateus 10:21-22 – KJA)

FALTA DE CONHECIMENTO

São tantas as formas de oposição ao verdadeiro evangelho que creio ser praticamente impossível enumerá-las todas, especialmente porque é bastante doloroso reconhecer o cumprimento profético de que as empresas eclesiásticas, outrora principais representações da Igreja, sucumbiram ante a apostasia e hoje, praticamente inúteis espiritualmente, quando não blasfemam abertamente o caminho da verdade, na maioria das vezes tornam o conhecimento bíblico em acessório e não passam de clubes de convivência social e apoio psicológico… exatamente como fez o povo de Israel:

O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; e, visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos.

(Oseias 4:6 – ACF)

Aliás, já falei bastante disso anteriormente e uma das provas mais cabais dessa ignorância bíblica se revela através das constantes invocações a 2 Crônicas 7:14: chega a ser uma ofensa a Deus querer citar essa passagem direcionando-a a esta ou àquela nação que não seja Israel!
Quantos jejuns nacionais já não foram convocados com base nessa passagem?!?
E os resultados? NENHUM!
A nação afunda cada vez mais rápido na podridão da impiedade e, veremos a seguir que, nesse exato momento estão forjando leis para destruir as famílias cristãs que não se submeterem como cobaias ao suspeitíssimo experimento científico do momento!
Os ímpios escarnecem porque, de fato, os (que se dizem) cristãos nem atuam por sua liberdade nem recebem livramento de Deus, simplesmente por persistir ignorando as Escrituras e fazendo TUDO ERRADO como, por exemplo, renegando suas posições individuais de reis e sacerdotes para se submeter a homens corruptos e gananciosos por poder terreal!
Acreditando em suas palavras de “doutores” sem sequer se dar ao trabalho de consultar as Escrituras por si próprios!
Ainda que todo o povo brasileiro se arrependesse dos pecados e orasse — o que, tristemente, não vai ocorrer por conta da fortíssima influência das doutrinas vermelhas… — o Senhor Deus não teria obrigação alguma de sarar essa terra como um todo porque essa SIMPLESMENTE NÃO É UMA PROMESSA FEITA AO BRASIL OU A QUALQUER OUTRO PAÍS SENÃO ISRAEL!!!

E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição. E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade.

(2 Pedro 2:1-2 – ACF)

E é justamente pela pregação de mentiras bem intencionadas como essa que alguns desesperados veem suas súplicas sem resposta e — nunca tendo recebido a legítima Verdade que liberta, nem sido nutridos até conseguir ingerir o alimento sólido e alcançar conhecimento suficiente para exercer seu reinado e sacerdócio obtido através do sangue de Cristo, mas conduzidos como crianças incompetentes e submissas à inatingível “sabedoria” de homens que nunca abrirão mão do poder, da influência e dos lucros provenientes de seus títulos — achando que isso é de Deus, se afastam frustrados e furiosos para nunca mais voltar!

O SUFICIENTE

“Porque os dons e o chamado de Deus são irrevogáveis.
Pois, assim como vós antigamente fostes desobedientes a Deus, mas agora alcançastes misericórdia em virtude da desobediência deles, assim também estes, agora, tornaram-se desobedientes, para também alcançarem misericórdia em virtude da misericórdia a vós demonstrada.
Porquanto Deus colocou todos debaixo da desobediência, a fim de usar de misericórdia para com todos.
Ó profundidade da riqueza, da sabedoria e do conhecimento de Deus!
Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis os seus caminhos!
Pois, quem conheceu a mente do Senhor? Quem se tornou seu conselheiro? Quem primeiro lhe deu alguma coisa, para que Ele lhe recompense?”
Portanto dele, por Ele e para Ele são todas as coisas.
A Ele seja a glória perpetuamente!
Amém.

(Romanos 11:29-36 – KJA)

Eventualmente nos deparamos com céticos ávidos por demonstrar erudição que possa justificar sua incredulidade ou quaisquer aberrações que promovam e pratiquem, sendo capazes de desenterrar referências a episódios do passado — como, por exemplo, suspeições contra deturpações promovidas através de algum concílio — para tentar pôr em dúvida até mesmo o conteúdo das Escrituras que, atravessando a história ao custo de muitos sacrifícios (sempre menores que o de Cristo na Cruz!), chegaram até nós.

De fato, um cristão legítimo e consciente de suas limitações deve reconhecer que, ao menos nesta vida, nunca possuíra integralmente o conhecimento que pertence exclusivamente ao Senhor Deus, porém, por outro lado, ter a (humanamente inexplicável) vocação para crer que, de modo absolutamente sobrenatural, o próprio Senhor Deus cuidou para que o suficiente de informação legítima fosse preservada até que a nós alcançasse sem que, pela inacessibilidade ao real evangelho, gerações inteiras tenham sucumbido e sido condenadas sem possibilidade de conhecê-lO.
Essa, na verdade, é uma equação até bastante óbvia:

Se você crê que, a qualquer momento, Deus possa falhar ou não ter suficiente poder para cuidar do cumprimento de Sua vontade IRREVOGÁVEL através de toda história da humanidade (passado, presente e futuro)… ENTÃO VOCÊ SIMPLESMENTE NÃO CRÊ EM DEUS!

Diante disso, qualquer um — dentre todo esse enxame de “estudiosos da conspiração” alardeando inquietação pela internet — que apresente nova tradução ou revelação com suposto poder de desconfigurar ou desqualificar a integridade das Escrituras… não passa de mais um charlatão servindo a Satanás.

TÃO PERFEITAS E VERDADEIRAS SÃO AS ESCRITURAS QUE ATÉ MESMO EXPÕEM A ATUAL E DOLOROSA RUPTURA ENTRE
EMPRESAS ECLESIÁSTICAS E IGREJA:

ENCERRANDO CICLOS

MINUCIOSAMENTE NECESSÁRIO

A base da fé cristã envolve a compreensão de que Deus não muda, não mente e não pode deixar de cumprir sua Palavra, mas isso não significa que Ele seja anacrônico e limitado a repetir eventos que já se cumpriram, muito menos não concretizar profecias que inspirou homens a registrar: são muitas minúcias que devem ser observadas e que apenas pelo mover do sobrenatural podem ser explicadas.

Muitos dos que se tornam mais céticos — insuflados pela sabedoria humana e incapazes de reconhecer que as Escrituras sempre “se movem” através de tipos do que há de ocorrer — ocasionalmente argumentam que “esse Cristo” no qual cremos nunca voltará, que o “fim do mundo” acontece quando morremos, que Cristo já voltou no ano 70 ou qualquer evidência capaz de convencer os incautos de conhecimento bíblico superficial.
De fato, já houveram várias ocasiões com características bastante semelhantes às apocalípticas, mas que deixaram passar um detalhe ou outro, tornando as profecias incompletas e, mediante isso, caso Cristo antecipasse seu retorno em atenção às súplicas dos cristãos naqueles momentos… se tornaria passível de, como Deus, ser acusado de mentiroso por Satanás.

Podemos dizer ter sido Hitler um anticristo?
Decerto, tanto quanto o foram Nero, Napoleão ou Stálin, mas, como evidenciei anteriormente, foram tipos do anticristo final, o que receberá seu poder do dragão, estabelecerá seu reinado sobre TODA a humanidade, terá sua entidade indubitavelmente vinculada ao número 666 e imporá sua marca, cuja aceitação implicará na direta negação de Deus, em mãos direitas e testas de todos os que não estiverem dispostos a ser degolados.

CONSTRUINDO “A MARCA”

A leitura desatenta e sem reflexão de algumas passagens pode se somar a um excesso de boas intenções e resultar na promoção de falsas promessas, inseridas em mensagens de teor evangelístico espúrio, porém amplamente divulgado através da cristandade em geral.

Um bom exemplo é a questão do experimento genético abordada aqui no início deste ano e, naquela ocasião, não consegui identificar os fatores necessários para, como estava sendo promovido (principalmente) nos meios evangélicos, vincular a vacina à dita “marca da besta”: faltavam muitos detalhes para isso e, naquele momento, seria uma antecipação desnecessária de terror.

Porém as informações publicadas em 17 de dezembro no portal do Supremo Tribunal Federal são capazes de deixar atônito qualquer cristão que não seja analfabeto funcional:

SOLIDARIEDADE

Ao acompanhar os relatores, a ministra Cármen Lúcia defendeu a prevalência do princípio constitucional da solidariedade, pois o direito à saúde coletiva se sobrepõe aos direitos individuais.
“A Constituição não garante liberdades às pessoas para que elas sejam soberanamente egoístas”, disse.

Traduzindo: a despeito dos cada vez mais frequentes relatos das consequências funestas dessa experiência genética realizada pelas farmacêuticas, TODOS, EM NOME DA “SOLIDARIEDADE”, TÊM OBRIGAÇÃO SE ENTREGAR COMO COBAIAS!
Os suicidas só sentirão felicidade e segurança se todos forem obrigados a brincar de roleta russa com eles: ninguém mais terá a liberdade para esperar que a morte chegue de outra forma (ainda que até mesmo pelo vírus!) e — ao contrário do que costumavam ensinar as mães que verdadeiramente tinham juízo —, de acordo com a visão dessa criatura insana chamada “ministra”, se todos estão pulando da ponte, então você também tem a obrigação de, por “solidariedade”, pular junto!

MEIOS INDIRETOS (SACRIFÍCIO INFANTIL)

Em relação à recusa em vacinar os filhos, o ministro Nunes Marques afirmou que a liberdade de crença filosófica e religiosa dos pais não pode ser imposta às crianças, pois o poder da família não existe como direito ilimitado para dirigir o direito dos filhos, mas sim para proteger as crianças contra riscos decorrentes da vulnerabilidade em que se encontram durante a infância e a adolescência.

Traduzindo: o deus “Ciência” — a despeito da diversidade biológica humana e dos cada vez mais numerosos episódios de efeitos colaterais — é inquestionável e exige urgência, pois só assim poderá instaurar paz e segurança no mundo!

Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão.

(1 Tessalonicenses 5:3 – ACF)

Agora sim começamos a ter argumentos para desconfiar que esse processo evolua até a imposição da marca da besta, pois nos aproximamos perigosamente da obrigação de negar ao Senhor Deus e alterar o organismo humano natural de nossos filhos para que, tornado em transgênico, passe a replicar “proteína Spike” pertinente ao vírus — que pode eventualmente sobrecarregar os sistemas circulatório e urinário até a morte — sem que tenha sido sequer apresentada alguma perspectiva de desativação: a grosso modo é como se tivéssemos que tornar uma parte de nós mesmos no próprio Satanás para ter uma pífia expectativa de resistir a ele… e isso só vai ocorrer porque as leis foram mudadas.

Esse reino diferente falará contra ‘Illãyâ, o Supremo, oprimirá os seus santos e tentará alterar o calendário, as festas religiosas e as leis.
Então, os santos serão entregues nas mãos dele por um iddân, tempo, dois tempos e metade de um tempo.

(Daniel 7:25 – KJA)

O IMPÉRIO DO ENGANO

Qualquer um que dê o mínimo valor ao real significado das palavras pode verificar que decidiram denominar de “imunizante” uma substância que, de fato, nem chega perto de verdadeiramente imunizar!

Junto a isso encontraremos a luta para intitular qualquer expressão da concupiscência humana de “amor”, o esforço conjunto pelo “cancelamento” e punição dos que preservam valores tradicionais enquanto se prega “tolerância” e “inclusão” para quaisquer práticas abjetas inomináveis e, o ápice, gritam afirmando fé absoluta na “suprema ciência” ao mesmo tempo em que a desprezam e odeiam por nunca haver descoberto nenhum outro sexo além dos determinados por XX ou XY…

Reis, presidentes, ministros, políticos, juízes, advogados, celebridades, líderes religiosos, repórteres, médicos… é impressionante como tantos estão atuando em sincronia para degradar o ser humano em todos os seus aspectos — do moral ao físico, sem ignorar o espiritual — de forma tão ampla e profunda que, ao final, conseguirão apodrecer o mundo inteiro, sem possibilidade de exceção: se na Segunda Grande Guerra houveram aliados para resistir ao eixo e promover, ainda que imperfeitamente, escape e justiça aos íntegros… agora simplesmente não há mais lugar para onde fugir.
Muitos dentre tais agentes do engano podem ainda não ter se dado conta do objetivo final de todas essas manobras e têm atuado fraudulosamente pela simples, a despeito de vultosa, oferta financeira, sem se preocupar que suas próprias vidas também serão expostas a um terror do qual dinheiro algum do mundo pode livrar.

Não espere que um dia seja publicada alguma notícia revelando quem financiou a compra dos os órgãos jornalísticos para que passassem a manipular os fatos, publicando e transmitindo apenas conteúdo distorcido para utilização pela militância e manipulação mental dos incautos;
Mate a expectativa de que um dia a decência tocará no coração dos doutores da morte e estes decidam expor quem pagou por seus seminários, simpósios e caríssimos presentes até que tenham chegado ao ponto de entregar pacientes que a eles confiaram suas vidas como cobaias em um experimento com chances de letalidade e efeitos desconhecidos a médio e longo prazo;
Não se iluda aguardando que os ministros e juízes contem quem os subornou para que tomassem decisões aviltantes à inteligência humana e ao próprio conceito de justiça, tornando a estrutura judiciária, que supostamente deveria proteger, no próprio algoz que determina a exposição dos vulneráveis ao perigo e ainda promove a severa punição dos que discordam da perspectiva que está sendo imposta!

Assim como atualmente é necessário ao Dragão manipular diversas operações para concentrar o poder e a autoridade que serão entregues à Besta, conforme determinado pela profecia nas Escrituras, também na Bíblia podemos conhecer um agente bastante peculiar, importante para a distinção entre o legítimo quadro apocalíptico final de todos os outros tipos, incompletos, que possam ter ocorrido ao longo da história:

Ainda não existiam farmacêuticas na época da tradução…

και φως λυχνου ου μη φανη εν σοι ετι και φωνη νυμφιου και νυμφης ου μη ακουσθη εν σοι ετι οτι οι εμποροι σου ησαν οι μεγιστανες της γης οτι εν τη φαρμακεια σου επλανηθησαν παντα τα εθνη.
(TODAS AS NAÇÕES foram seduzidas / enganadas / destruídas por sua FARMÁCIA / FARMACÊUTICA)

(Apocalipse 18:23 – TR + tradução do trecho sublinhado)

Sim! Ainda que a humanidade nunca possa concretizar oficialmente atos de justiça pelo financiamento da corrupção midiática, médica, política e jurídica que caracteriza os tempos que estamos vivendo, as Escrituras, registradas por homens sob inspiração de Deus a milhares de anos, já haviam determinado que TODAS AS NAÇÕES, sem exceção, sofreriam nas mãos das indústrias farmacêuticas… e não de alguma “feitiçaria”, no sentido místico comumente conhecido da palavra.
Longe de querer enveredar por investigações conspiracionistas, essa simples passagem nos permite até desconfiar que, seguindo o maçônico conceito “Ordo ab Chao“, foram elas próprias as causadoras da catástrofe para a qual estão vendendo uma falsa solução cuja finalidade é absolutamente suspeita, principalmente pelas manobras empreendidas para torná-la obrigatória: talvez, através de todas as consequências dessa imposição, alcançar uma “Nova ordem Mundial” ou, se mantivermos a observação do quadro profético bíblico e seus respectivos termos, o estabelecimento do reinado final e completo do anticristo no mundo inteiro.

INTERROGAÇÕES

E então chegamos àquele momento tão citado onde nossa fé n’O Senhor será cada vez mais exigida: apesar dos muitos debates, agora é, como se diz, a hora do “vamos ver”!
Diante da inegável, profunda e crescente degradação da humanidade, a rebelião contra Deus é estimulada e promovida ao ponto de afirmar que aviltantes desrespeitos aos elementos da fé cristã não passam de inocente “liberdade de expressão” ao mesmo tempo em que o simples ato de citar pecados por seus próprios nomes está passível de intimação judicial sob pretextos como intolerância ou fobia: é impossível que tanta podridão possa ser parte do, como dizem os preteristas, reino de um Cristo que já voltou.

DATAS ABSOLUTAMENTE HIPOTÉTICAS COM FINALIDADE MERAMENTE ILUSTRATIVA!

Não, caros leitores, Cristo ainda não voltou e, mesmo que não levemos em conta a questão das farmacêuticas, os argumentos preteristas falham ao ignorar tanto a amplitude quanto o detalhes apocalípticos, apresentando um “deus” fraco, ignorante e de palavra profética limitada aos tempos antigos, tendo que se submeter a quaisquer práticas e costumes injetados pela humanidade porque, ainda que abjetos como os da presente era, já seriam parte de seu suposto reino.
Querendo saber ainda mais, sugiro que conheça o compêndio de contradições dos preteristas, elaborado pelo autor e historiador cristão Lucas Banzoli, mas, diante de tantas e óbvias evidências, a conclusão é que a metodologia preterista — a despeito de sua alegada popularidade — chega a permitir e incentivar práticas opostas à santificação recomendada pelo cristianismo autêntico, sequer podendo ser considerada parte do “conjunto verdade“.

Então, sabendo que o ateísmo a descrença de que Deus tomará atitudes contra a impiedade crescente não são argumentos válidos à fé cristã e considerando o vindouro retorno de Cristo, nos resta agora observar a infrutífera animosidade entre pré e pós tribulacionistas.
Haja vista a determinação do STF (apresentada acima) e suas eventuais e imprevisíveis consequências fatais entre justos e ímpios, podemos considerá-la como cumprimento de uma parte da profecia de Daniel 7:25?
E, estando os santos entregues nas mãos deles, estaria configurado o “princípio das dores” ou o início da tribulação?

Caso a resposta das questão acima seja “sim”, os pré-tribulacionistas já podem começar a olhar para o alto, principalmente porque todas essas manipulações de mídia, justiça e governos estarão alinhadas com o que é chamado “engano da injustiça” na seguinte passagem profética:

E agora vós sabeis o que o detém, para que a seu próprio tempo seja manifestado.
Porque já o mistério da injustiça opera;
somente há um que agora o retém até que do meio seja tirado;
E então será revelado o iníquo, a quem o Senhor desfará pelo assopro da sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda;
A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira,
E com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem.

(2 Tessalonicenses 2:6-10 – ACF)

O “UM QUE AGORA O RETÉM”

Não pretendo estar aqui na ocasião em que o anticristo se revelar, por isso não perco tempo especulando sobre sua possível identidade porque, apesar dele ter de provar sua linhagem para ser aceito como “o messias” pelos israelitas, agora, antes do tempo certo, nada impede que esteja atuando de formas tão diversas e distantes da nobreza quanto startups, big techies ou até mesmo algum dentre tantos artistas que escarnecem de Jesus Cristo para enaltecer Satanás…
Simplesmente não importa descobri-lo porque não é possível impedi-lo, nem com uma bomba atômica!
O anticristo está profeticamente destinado tanto a reinar por algum tempo sobre o mundo, quanto a apenas ser desfeito por, veja a passagem transcrita acima, um assopro da boca do Senhor.

UMA ÚNICA VEZ

Apesar de todos os tipos crísticos — José, Moisés, Jonas… — só o verdadeiro cumpriu minuciosamente cada detalhe das profecias relativas ao Verbo que se fez carne.
Apesar de todos os tipos do anticristo — Nero, Napoleão, Hitler… — só um cumprirá minuciosamente cada detalhe das profecias relativas ao receptáculo do próprio Satanás.
Apesar de todos os tipos do apocalipse — Os eventos do ano 70 d.C., a Segunda Guerra Mundial… — só um, o último por sinal, cumprirá minuciosamente cada detalhe das profecias e significará o retorno triunfal do Senhor Jesus Cristo encerrando a ação do mal, do pecado e da morte em toda a criação.

Notem que não fico nem um pouco entusiasmado com a perspectiva “mezzo” ou pós-tribulacionista e realmente quero muito de ser arrebatado antes do tamanho sofrimento que será derramado no mundo, mas tornar essa questão em motivo de desavenças me parece absolutamente uma forma desnecessária de orgulho, porque dentre todas as nossas palavras e pregações provavelmente algumas vão subsistir para alcançar as pessoas citadas na seguinte profecia:

Então, o quinto anjo soou a trombeta, e observei uma estrela que havia caído do céu sobre a terra.
Àquela estrela foi entregue a chave do poço do Abismo.
Assim que ela abriu o poço do Abismo, subiu dele fumaça como a de uma colossal fornalha.
O sol e o céu escureceram com a fuligem que saía do Abismo.
Desta fuligem saíram gafanhotos que vieram sobre a terra e lhes foi concedido poder como o dos escorpiões da terra.
Contudo, eles receberam ordens para não causar dano nem à relva da terra, nem a qualquer planta ou árvore, mas tão-somente àqueles que não haviam recebido o selo de Deus em suas frontes. Não lhes foi concedido poder para matá-los, mas para provocar-lhes tormentos durante cinco meses.
E a aflição que eles sofreram era como a causada pela picada do escorpião.
Assim, naqueles dias as pessoas procurarão a morte, todavia não a encontrarão; desejarão morrer, mas a morte fugirá deles.
O aspecto dos gafanhotos fazia lembrar cavalos preparados para a batalha.
Tinham sobre a cabeça algo como coroas de ouro e o semblante deles era semelhante ao rosto humano. Os cabelos deles eram parecidos com os cabelos de mulher e os dentes como os de leão.
Possuíam couraças como armaduras de ferro e o som das suas asas assemelhava-se ao barulho de muitos cavalos e carruagens correndo em direção à batalha.
Tinham também caudas e ferrões como de escorpiões, e em suas caudas carregavam a capacidade de provocar tormentos à humanidade por cinco meses.
E havia um rei sobre eles, o anjo do Abismo, cujo nome em hebraico é Abadom e, em grego, Apoliom.

(Apocalipse 9:1-11 – KJA)

Apesar de haver destacado em maiúsculas sublinhadas a parte sobre a qual quero falar, preferi trazer uma transcrição longa, contendo a parte descritiva da passagem porque tenho um estimado irmão que, em tom de chacota, me perguntou se eu acreditaria mesmo nesses “insetos tratados com esteroides”…
Ora, temos aqui uma descrição tão minuciosa de características, habilidades, atribuições, limitações e até de hierarquia, não sendo impossível que tais criaturas absolutamente inéditas e tão únicas quanto o próprio Apocalipse possam não ser apenas “linguagem simbólica” e estar sendo sobrenaturalmente mantidas e reservadas para este momento: o poder de Deus é ilimitado e insondável.
Então, pela fé, é tão possível crer nessas criaturas fantasticamente horrendas quanto no evento onde apenas alguns seres humanos — os tais habitados pelo invisível “o um que o retém” — serão sobrenatural e subitamente transportados para os céus…

Mas, voltando à questão da desnecessária animosidade entre pré e pós tribulacionistas, mesmo que o Espírito Santo tenha sido retirado do mundo para que se iniciem as ações do anticristo, ainda assim haverão alguns que receberão o selo de Deus nas suas frontes.
Realmente as Escrituras não relatam detalhes de como esses alcançarão a fé — considerando que Deus não pode mentir e o Espírito, retirado, definitivamente não mais estará disponível para convencê-los do pecado, da justiça e do juízo nem neles habitar — mas esse selo em suas frontes, talvez num retorno ao modelo veterotestamentário, é a garantia de seu livramento e salvação.
Isso significa que eles também estarão junto a nós, eternamente louvando ao Senhor, mesmo sem ter experimentado o arrebatamento.

O CÁLICE DA IRA DE DEUS

QUEM BEBERÁ?

De fato, a partir do momento em que compreendi que o Espírito Santo é o penhor da salvação, não consigo vislumbrar o Senhor Deus fazendo papel de caloteiro e deixando os cristãos desamparados ao removê-lo, muito menos propondo uma substituição dele por esse absolutamente distinto “selo na fronte”, de modo que sou levado a crer que, de acordo com o desenvolvimento profético apresentado nas Escrituras, os verdadeiros cristãos realmente não mais estarão neste mundo por ocasião da revelação do anticristo, evento que, por sinal, pode até ocorrer como ato contínuo do arrebatamento.
Restará aos “amigos do evangelho” e aos cristãos nominais a opção de se integrar ao sistema para, a despeito do sofrimento, não sofrer morte física imediata ou, perseverando através da tribulação, descobrir a forma de receber esse selo e escapar da segunda (e eterna) morte.

Portanto, por favor, sugiro que se pare de perder tempo discutindo se nós, que absolutamente nada temos de mais excelentes que os primeiros cristãos, vamos escapar ou não do sofrimento e nos concentremos em apresentar as Escrituras e o convite ao arrependimento, pois, isso sim, terá real valor mesmo que não estejamos mais aqui.

Nada temas das coisas que hás de padecer.
Eis que o diabo lançará alguns de vós na prisão, para que sejais tentados;
e tereis uma tribulação de dez dias.
Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida.

(Apocalipse 2:10 – ACF)

CONCLUSÃO

Até 2005 precisei utilizar medicamentos como antidepressivos, Vioxx e Voltaren.
Apenas após OITO ANOS, em 2013, esse autor que vos escreve foi acometido por surdez de intensidade leve a moderada que, subitamente em 2018, se tornou profunda: levando em consideração que, por ter sido controlador de tráfego aéreo, a perfeição de minha audição foi anualmente aferida durante 20 anos, não escondo minha decepção com a medicina e a ciência por sequer terem capacidade de identificar com precisão o fator causador de minha deficiência auditiva.
Além de denominar “imunizante” uma substância que efetivamente não imuniza e, aliás, nem existe a tempo suficiente para ter passado por todos os testes necessários, fico aturdido quando vejo pessoas, eivadas politica e espiritualmente, se submetendo a esse experimento como se a mesma ciência que sequer é capaz de oferecer solução definitiva para minha simples alergia a camarão fosse perfeita e inquestionável: viva a “ciência”!

Ó Timóteo,
guarda o depósito que te foi confiado,

tendo horror aos clamores vãos e profanos e às oposições da falsamente chamada ciência,
A qual, professando-a alguns, se desviaram da fé.
A graça seja contigo. Amém.

(1 Timóteo 6:20-21 – ACF)

A avidez pretensiosa de tornar obrigatória tal injeção e a migração monetária das cédulas para o mundo virtual apenas me fazem vislumbrar mais um cumprimento profético que está sendo abertamente construído através dessas manobras.

Sabe, porém, isto:
que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos.
Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus,
Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela.
Destes afasta-te.

(2 Timóteo 3:1-5 – ACF)

As leis estão sendo mudadas e os santos estão sendo entregues nas mãos dos perversos;
As liberdades, inclusive de fé e expressão, estão cerceadas para que as farmacêuticas possam enganar e destruir as nações;
Muitos que se apresentam como cristãos esquecem o amor pela verdade e preferem depositar suas esperanças em políticos e ministros, como se esses pudessem reverter ou anular a palavra profética através de arroubos e bravatas que, por sinal, nunca se concretizam.

Este é meu último texto, ao menos de 2021, e agradeço por tê-lo lido até aqui.
Verdadeiramente, preciso de qualquer colaboração que puder oferecer: comentários, compartilhamentos e reações ajudam a divulgar este conteúdo que foi produzido com intenção de colaborar para a edificação do Corpo de Cristo no mundo.

Desejando colaborar financeiramente com qualquer valor, minha chave PIX principal é [email protected] e essa imagem é do meu QR code: meu nome é Geovane Ignácio de Souza, o trecho do CPF a aparecer deve ser o “927.157” e a instituição financeira é o Nubank.

Por mais que queira, destaco que não tenho em mim mesmo a menor capacidade de forçar o Pai a te abençoar por causa disso, mas oro a Ele pedindo para que, no tempo correto e na medida multiplicada, retribua a bondade realizada da forma mais adequada: seja através de livramentos ou de diversas bênçãos possíveis.

Parafraseando o apóstolo Paulo em Efésios 6: 23-24: que a graça e a paz sejam conosco, todos os que amam a nosso Senhor Jesus Cristo em sinceridade, hoje e para todo o sempre!

Ficou querendo ver melhor a imagem de abertura?

Por favor, curta e compartilhe
para alcançar mais pessoas!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no tumblr

Notificação De Postagens Por E-mail

Em 04 de outubro de 2021 algumas das maiores redes sociais passaram horas desligadas.
Há rumores de que um “GRANDE APAGÃO” será sucedido por OPRESSIVO CONTROLE SOCIAL virtual.
Não posso prever o real impacto, mas, caso seja possível, continuarei estudando e publicando sobre as Escrituras: inscreva-se para, a partir da próxima, receber notificação em seu e-mail a cada nova publicação n’O Pior Evangelho.

(CASO NECESSÁRIO, OPORTUNAMENTE SERÁ ENVIADO CONTEÚDO INTEGRAL)

OUTROS TEXTOS DO MESMO AUTOR

Inscrição
Notificação de
1 Comentário
Velhos
Mais novos Mais votados
Respostas inline
Ver todos os comentários
Teóphilo Noturno
Teóphilo Noturno
A Verdade, assim como um remédio, pode até ser amarga... mas é o único caminho para a salvação.

PROJETO RESGATE

1
0
O que está achando? Por favor, comente!x